É permitido divulgação de preços de serviços veterinários pelo WhatsApp?

De acordo com o artigo 14 do Código de Ética do Médico-Veterinária, regido pela Resolução nº 1.138, de 16 de dezembro de 2016, é vedado ao médico-veterinário veicular os preços e as formas de pagamento de seus serviços em meios de comunicação de massa e em redes sociais.

No entanto, se os aplicativos de troca de mensagens, como WhatsApp, Telegram, entre outros, forem usados para envio de mensagens informando preços e formas de pagamento direcionadas para um único cliente, ou para um número reduzido de pessoas, o fato não implicará em infração ética, haja vista que não poderá ser considerada uma forma de comunicação de massa.

Fonte: Assessoria CFMV